MORGUE

Ilustrações com temas mais pessoais, oriundas de uma série de livretos escritos por mim, num tempo em que minha pretensão superava meu juízo. E às vezes ainda me pego decidido a um dia, publicar todos, com suas imitações rasteiras de literatura beat e apologias ao suicídio, ao rock  e à destruição da Babilônia, do sistema opressor e de DEUS! – patético, mas que atire a primeira tequila reposada quem nunca foi jovem e quase morreu de overdose! Isso deixa sequelas, sabia??

Compartilhe:

Leave A Response